quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Mensagens de 05 de Dezembro de 2012.

Mensagem psicofônica pelo Espírito Leocádio José Correia,
através do médium Maury Rodrigues da Cruz na Sociedade Brasileira de Estudos Espíritas.
                                                                                                                                          

 Mensagem aos Médiuns - 05 de Dezembro.

"Todo mundo vive encarnado a nível de avaliação. 
Vocês na Terra precisam de cautela em suas avaliações, vocês podem destruir pessoas com más avaliações."
Leocádio José Correia

link para baixar e ouvir a mensagem:
http://www.sbee.org.br/portal/sbee/mensagens-mediunicas/mensagens-psicofonicas/mensagens-aos-mediuns/2012/dr-leocadio-jose-correia-05-de-dezembro-de-2012
                                                                                                                                           

 Mensagem ao Público - 05 de Dezembro.

"Como é preciso, meus amigos, um mundo de mais paz.
Um mundo onde os irmãos possam confiar mais no próximo.
Um mundo onde os irmãos tem a responsabilidade pelo exercício do amor.
Um mundo onde os irmãos possam no encontro da cotidianidade com o próximo sentir felicidade.
Um mundo haja realmente o reino do bem, e toda a expressão do trabalho com dignificação da pessoa."
Leocádio José Correia

link para baixar e ouvir a mensagem: 
http://www.sbee.org.br/portal/sbee/mensagens-mediunicas/mensagens-psicofonicas/mensagens-ao-publico/2012/dr-leocadio-jose-correia-05-de-dezembro-de-2012
                                                                                                                                          

Palestra 05 de Dezembro - Natal.

"...a própria árvore de Natal, também tem uma história.
Isso aconteceu, mais ou menos, em 1580 quando Martinho Lutero passava por um momento de grandes dificuldades e transformações internas.
Ele resolve, nesse momento de dor, sair de casa. Num país frio, a Alemanha, nevando muito, ele começa a fazer as suas orações embaixo de algumas árvores.
Durante suas orações ele olha para cima e vê, entre as árvores, a luminosidade das estrelas.
Aquela cena o deixa tão feliz, que ele volta para dentro de casa, pega alguns galhos de árvore, e tenta fazer a réplica daquilo que lhe fez tanto bem quando ele estava lá fora.
Monta aquilo, coloca algodão em cima, para representar a neve, e como não tinha a luminosidade das estrelas ele acende algumas velinhas prendendo nos galhos da árvore.
Isso passou a ser tradição na Alemanha, é trazida por alguns alemães para o Brasil, e nós fazemos a mesma coisa.
Sendo que aqui nós nem temos neve e nem temos o frio que eles tem lá.
Quem sabe a nossa imagem devesse ser um pouquinho diferente.
Fosse quem sabe o pinheiro do Paraná, representado de alguma maneira nas nossas casas, nos nossos lares. Quem sabe a roupa do bom velhinho não devesse ser tão pesada, tão quente, sendo que nós estamos com temperaturas acima dos 30 graus.
E nós vamos simplesmente copiando esse sentido materialista porque não refletimos.
Porque não fazemos avaliações.
Porque estamos tão distantes, mas muito distantes de Cristo.
Cristo está ficando cada vez mais do lado de fora das casas, cada vez mais do lado de fora das famílias e cada vez mais nós estamos envolvidos com um sentimento completamente diferente do que é e do que representa o Natal.
Natal, meus irmãos, quem sabe por mais que nós procurássemos a expressão do que ele significa, hoje nós não conseguiríamos fazê-lo."
Gladiomar Saade

link para baixar e ouvir a mensagem:
http://www.sbee.org.br/portal/sbee/eventos/palestras/palestras-publicas/2012/natal-por-gladiomar-saade-em-05-de-dezembro-de-2012
                                                                                                                                           
Copyright © 2012 Sociedade Brasileira de Estudos Espíritas - Todos direitos reservados - http://www.sbee.org.br
A SBEE autoriza a reprodução dos textos para fins não comerciais desde que seja mencionada a fonte.



.

Nenhum comentário:

Postar um comentário